quarta-feira, 5 de agosto de 2009

NO PLENÁRIO DO SENADO SARNEY DIZ QUE NÃO CONHECE AFILHADO

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), disse nesta quarta-feira, durante seu discurso de defesa no plenário, desconhecer o funcionário da Diretoria Geral da Casa, Rodrigo Cruz, genro do ex-diretor Agaciel Maia e de quem foi padrinho de casamento. Após alegar o desconhecimento, o líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM), lhe chamou a atenção: “Não quero ser grosseiro e dizer que Vossa Excelência faltou com a verdade. Mas se esqueceu, no mínimo, de três coisas graves. Em algum momento declarou não conhecer Rodrigo Cruz. Rodrigo Cruz é apenas o genro do Dr. Agaciel Maia, de quem o senhor foi padrinho”.
Apesar de, no plenário, Sarney dizer que não conhecia Rodrigo, em seu discurso impresso, distribuído à imprensa, consta que o peemedebista deveria apenas ter dito que Cruz não tem nenhum laço de parentesco com sua família.
Além de Cruz, tanto no discurso impresso quanto no lido, Sarney diz desconhecer Luiz Cantuária, funcionário do Senado e político conhecido no Estado pela qual o peemedebista foi eleito, o Amapá. Cantuária chegou à presidência da Assembléia Legislativa.
.........
FONTE:
.................................................

Um comentário:

gleydson disse...

muito obrigado amigo bira viegas, é um grande prazer está intercalando meu blog ao seu, um grande abraço e até a próxima.